O cego da casa amarela


curta-metragem, ficção experimental, Brasil, 2018, link

Experiência sensorial, poética e imersiva quanto às lembranças e memórias de João de Deus. Deus perdeu sua mãe e a identidade, ainda assim tenta entender os horrores e prazeres da vida através da escuridão que há em si, nas imagens e nos filmes que não vemos. [Texto extraído do canal Holliúdy da Silva, no YouTube].

Direção: Joachim Nadar e Lemuel Gandara

Roteiro: Joachim Nadar

Produção: Geovane Marques, Joachim Nadar, Lemuel Gandara e Rafael Gandara

Produção executiva: Ana Claudia Silva, Dalila Maria e Rafael Gandara

Montagem: Lemuel Gandara e Rafael Gandara

Som direto: Joaquim Henrique da Silveira e Lemuel Gandara

Edição de som: Joaquim Henrique da Silveira e Lemuel Gandara

Elenco: Lemuel Gandara