Alice e Méliès no Cerrado sem fim


Ilustração adaptável a diversas mídias, 2018

Um encontro fantástico entre a Alice ilustrada por John Tenniel para Alice no País das Maravilhas (1865), de Lewis Carroll, e a Lua criada por Georges Méliès no filme Viagem à lua (Le voyage dans la lune, 1902). O cenário é o Cerrado centro-oestino, onde habito de corpo, alma, arte e coração. A peça faz parte das ilustrações do livro Era uma vez uma vez outra vez (2018), do poeta Augusto Niemar.